Patrocínio

Patrocínio

sexta-feira, fevereiro 28

Charge do Dia: Pibão da Dilma!!!

A alegria dura pouco...
O IBGE divulgou o fechamento do Produto Interno Bruto ( PIB ) de 2013. Para os leitores que por ventura não saiba, o PIB é a soma de tudo o que foi produzido por uma nação durante um ano. Sendo assim é comparado com o valor do ano anterior e tem-se o resultado: crescimento, estável ou recessão.

O do Brasil em 2013 subiu em 2,3%, acima das expectativas de mercado ( inferior a 2% )  mas também abaixo da previsão do Governo ( 3% ). Em um primeiro momento parece ótimo, mas nem tanto. Alguns países menores devem crescer mais, tipo o Chile e o Peru vizinhos nossos da América Latina. Ou a Índia, além de outros países asiáticos. Ficar a frente dos europeus, em grave recessão, e dos EUA em uma tímida recuperação é até algo bom, mas desmente a tese de que nossa economia sofre dos efeitos da crise internacional.

Mas o meme reforça o fato de que dentre os integrantes do grupo denominado BRICS ( Brasil, Rússia, Índiam China e África do Sul ), o Brasil é o que - na média dos últimos 3 anos, menos cresceu. E esse um dado, ruim... ainda durante o Carnaval volto ao tema.

quinta-feira, fevereiro 27

Um dia para jamais ser esquecido

Precisa mesmo dizer mais alguma coisa?
O plano do PT desde quando a denúncia do Processo do Mensalão ( segundo o partido Ação Penal N.º 470 ) foi aceito pelo Supremo Tribunal Federal era o de deixar o tempo passar e contar a, infelizmente, lentidão da Justiça no Brasil. Contavam com que com uma Corte contando com a maioria de Ministros indicados pelo Presidente Lula fosse o suficiente para barrar qualquer (im) provável punição aos indiciados.

Além disso contavam que isso tivesse impacto zero nas reputações dos Cardeais do partido. Eis que em meados de 2010 o processo começou a se movimentar, com a escolha do Relator do processo. Alguns petistas suspiraram de alegria: seria o primeiro negro indicado ao Supremo, uma escolha cara a um partido que se diz defensor dos negros e outras ( supostas ) minorias. Afinal, nas cabeças petralhas jamais um negro se "voltaria" contra quem lhe indicara. Este pensamento mesquinho e asqueroso é o que fomenta os ataque aos quais Joaquim Barbosa recebe até hoje e seguirá recebendo por parte de petistas até depois de sua morte. 

Acontece que Joaquim Barbosa resolveu ser um Juiz e cumprir com seu papel constitucional. E fez um relatório que para ser perfeito faltou pouca coisa. A luz de alerta foi acessa no seio petista. Contudo o revisor do Processo era outro indicado por Lula: Ricardo Lewandowski. Ele fez o que pode, levando muito mais tempo para fazer a revisão ( na verdade, ele fez foi outro relatório, mantendo inclusive diversos erros contidos no original ). Em 2012, o que parecia impossível aconteceu: começou o julgamento. E o começo foi péssimo, terrível. Dia após dia o Brasil inteira via, com riqueza de detalhes, como se dera o esquema. Dados e mais dados eram demonstrados. Do ponto de vista jurídico, tudo foi feito, diversos debates ( alguns bem ásperos ), termos técnicos e tudo mais. Ao fim penas duras para a maioria dos réus. O Partido dos Trabalhadores passou a tentar vender o termo de "julgamento de exceção" e colocou seus militantes para rebater toda e qualquer pessoa que falasse contra. O cara e querido leitor, se petista não for, deve ter sofrido patrulha pesada.

Pois bem. O tempo passou e dois Ministro saíram ( Cesar Peluzo e Aires Bryto, que presidiu o julgamento ). Como é norma constitucional, coube ao Presidente indicar outros dois Ministros. Mas ai uma tese estava sendo elaborada: a dos embargos infringentes. Tal expediente jurídico só existe no Regimento Interno do Supremo Tribunal Federal, mas a Lei Federal N.º 8.038 não prevê tal expediente. E o próprio Supremo já se posicionara contra este mesmo expediente em uma ADIN. Mas eis que a decisão ficou para uma votação entre os juízes. E como votaram os dois novos indicados? Pois é. E assim uma norma de regimento passou a valer mais do que uma Lei.

Hoje tivemos apenas a finalização do Processo. E da pior maneira possível. Ao menos para a Democracia. E o Facebook hoje foi invadido com o Bloco dos Indecorosos, tentando dizer que - quanta besteira - o Mensalão não existiu. Como isso é possível se as outras penas ainda permanecerão existindo? A manobra, comemorada pelos indecorosos, livrou do regime fechado a todo o núcleo do PT com a revisão das penas aferidas pelo crime de Formação de Quadrilha. 

Antes de finalizar, gostaria de dizer que entre os últimos indicados temos:
a) Uma amiga desde a infância do ex-marido da Presidente Dilma( Rosa Webber );
b) O ex-advogado do PT!!! ( Dias Toffoli );
c) Um defensor ferrenho do aborto e cujo escritório conseguiu a Conta da Eletrobrás, sem Licitação ( Roberto Barroso ).

27 de Fevereiro de 2014. Um dia para não ser esquecido, para que nós fiquemos alerta, que mesmo sendo uma Democracia, temos muito o que evoluir. E que mesmo um Governo com apelo popular pode ser danoso da maneira mais vil possível.

quarta-feira, fevereiro 26

Hipocrisia, ofensa ou complexo de vira-lata?

as polêmicas(??) camisas feitas pela Adidas...
Este será um post diferente. E em mais de um sentido. Será o primeiro sobre cultura e comportamento e que obviamente não falará nem de política ou de futebol. Ao menos diretamente. E também será um post com ideia "roubada" de outra pessoa. Vamos a ele...

Ontem fiquei sabendo que a Adidas, marca alemã, fizera duas camisas para serem vendidas no mercado dos Estados Unidos. Até ai, tudo bem, seremos a sede da Copa e sempre é preciso fomentar as vendas na terra do Tio Sam, que em sua imensa maioria é avesso ao nosso futebol ( que eles chamam de Soccer ). Mas eis que...

Bom, o mundo caiu. Logo centenas de milhares de brasileiros acusaram as camisas de fazerem alusão ao turismo sexual e denegrirem a imagem do Brasil no exterior e coisa e tal. Verdade seja diga, a camisa amarela na foto acima realmente tem uma expressão alusiva a "faturar" garotas, para usar um termo bonzinho. A verde faz um trocadalho do carilho com a bunda e um coração. Seriam elas uma afronta a soberania nacional?

Aqui é onde entra a "ideia roubada". Maysa Guimarães Angelim é professora da Rede Estadual de Ensino e, o que muito me honra, minha amiga. Hoje mais cedo vi uma resposta dela às duas camisas, postado no Facebook. Post que eu reproduzo ( e avalizo em 100% ) integralmente abaixo e volto em seguida para finalizar:

HIPOCRISIA???????
Num país que ostenta bunda ( bunda grande, se for pequena não serve) pra todo canto. Onde a vinheta do Carnaval é uma mulata pelada sambando e balançando as cadeiras para o mundo. Onde a mulher bonita é a popozuda. Onde o gosto pelas ancas femininas é tido como "preferência nacional", onde o quadradinho de 8 e o Lepo-lepo são coreografias, causa-me estranheza essa revolta toda por conta das roupas vendidas pela Adidas.

Vejam o que diz uma matéria do Jornal A Tarde:
"Duas camisas lançadas pela Adidas inspirada na Copa do Mundo está causando polêmica. Isso porque as estampas das roupas têm conotação sexual e o governo brasileiro tenta combater o turismo sexual." 

O governo e a sociedade brasileiros deveriam combater essas mazelas com mais educação para o nosso povo. Educação esta que se bem aplicada no âmbito privado e público vai evitar e muito tal constrangimento aqui e fora do país.
Os estrangeiros só veem as mulheres brasileiras como BUNDA porque grande parte dessas mulheres não mostram suas CARAS. Preferem a exposição mesquinha ao serem elogiadas como as mais gostosas aos elogios pelo que fazem pela sua família e pela sociedade brasileira. Que sejam gostosas, mas que sejam além de gostosas, mulheres inteligentes, atuantes e realizadas.
As bundas apresentadas nas camisas vendidas pelas Adidas não são tão mais explícitas do que o que vemos diariamente na TV, nas Escolas de Samba, nos programas de entretimento, nas dancinhas sugestivas.
Então por que tanto estardalhaço com uma simples bundinha estampada na roupa da Adidas? Será sensacionalismo?????
A malhação para crescer a bunda é mais barata e mais fácil do que a malhação para crescer a alma, o conhecimento e as relações sociais.
O shortinho curto pra balada é mais acessível do que o livrinho básico para um concurso ou vestibular.
Eita Brasilzinho hipócrita da mulesta!!!!!!! 
Faz uma coisa e cobra outra com um estrondoso falso moralismo.
Para muitos e muitas ler e ir em busca do conhecimento é muito trabalhoso. Causa fadiga, cansa rápido. Mostrar a bunda não!
Quanto mais vejo essas idiotices mais acredito no que meu pai sempre diz:
DIREITO TEM QUEM DIREITO ANDA.

Maysa Guimarães Angelim - 26/02/14

A ideia é esta. Como podemos ficar "revoltados" com a Adidas usar a ideia que nós fazemos questão de repassar? Ou será que o Carnaval passa outra ideia e eu fique maluco? Para mim não é possível fazer ligação entre as camisetas e um incentivo da Adidas ao turismo sexual, que tem vitimado e limado nossas crianças nas grandes cidades. Nem diretamente e nem indiretamente.

Maysa toca no ponto certo: aceitamos quadradinho de 8, cujo grupo é formado por adolescentes ( tendo uma das integrantes 13 anos!!! ), mas nos revoltamos com a Adidas? Aceitamos de bom grado músicas como Lepo-Lepo, Rebolation e cia e queremos quebrar uma empresa que faz algo muito mais subjetivo?

Nelson Rodrigues, nosso maior dramaturgo criou o que ele chamou de "complexo de vira-latas" para explicar o fato do brasileiro se considerar inferior aos outros. O termo, é verdade, foi cunhado pela derrota na Copa de 50, mas serviu para ilustrar diversas atitudes do povo, sempre condenando outros mas que na realidade seria uma forma de ficar, digamos assim, rebaixado perante aos outros. Nelson Rodrigues, que morreu em 1980, usaria o seu termo sobre este caso, se vivo estivesse. Ainda bem que não sobreviveu para ver o Brasil atual...

Plano Real 20 anos: o que diziam os adversários na época

O que seria do Brasil sem a coragem deste homem?
Votei, não nego e nem teria porque fazê-lo, em Fernando Henrique Cardoso na eleição de 94. E acreditem tal voto não teve qualquer ligação com o Plano Real, cujas bases ele lançou em 93, 3 meses após ter assumido a pasta da Fazenda. Reunindo um grupo de jovens economistas, salvou o Brasil da Hiperinflação que vigorava em nossa nação a mais de duas décadas. Muitos atribuem ao economista Rubens Ricupero, que depois o sucederia como Ministro da Fazenda, outros dizem que o pai do Real foi o presidente Itamar Franco ( que até o último momento perguntava pelo congelamento de preços ). Mas coube a FHC, futuro presidente e o primeiro a governar por mais de 5 anos de forma democrática, a decisão de implantá-lo. 

Porque falar isso? Porque votei nele e não no Lula? Não exatamente, mas sim porque ontem oficialmente comemorou-se os 20 anos da lançamento do Plano. Embora diversas medidas estruturadoras tenham sido tomadas quase um ano antes da foto acima, foi no dia 25 de Fevereiro que tudo se tornou mais claro. A época FHC já era mais do que certo como candidato do PSDB a presidência, e nem poderia ser diferente. Mas isso para mim já era irrelevante. Mas para o PT, não...

O Plano foi implantado e o Brasil nunca mais soube o que é hiper, mega, super ou qualquer outra coisa acima de inflação, contra a vontade do PT que foi até o Supremo contra o Plano. Fomos, neste ponto, alçados ao grupo das nações de primeiro mundo, onde inflação existe, mas raramente ela passa dos 2 dígitos. É claro que chegamos a passar disso ( o máximo foi de 22%, ainda no Governo de FHC ), mas ficou no passado o tempo em que a inflação anual era de, acreditem nisso jovens, de 5000% ao ano!!! Uma vez na presidência FHC cometeu erros, como todo Governante. A emenda da re-eleição, pra mim, foi o maior deles. Por isso não votei nele em 98, quando escolhi votar em Ciro Gomes. Tivemos as privatizações, a desvalorização do real em 99... foram erros que o passado condena.

Por falar em passado... pois é passado é o campo de trabalho da história e para os que não sabem eu sou formado nesta matéria. E dou valor ao passado. Como forma de provar isso, aqui vão algumas frases de uns personagens históricos, dando suas opiniões sobre o Plano Real, na época de seu lançamento. Que deixa claro que FHC teve muita coragem ao lançá-lo. E que alguns, hoje, se envergonham do que disseram. Ou deveriam...

  • Lula ( adversário de FHC em 94 e presidente entre 2003/2010 ) - “Esse plano de estabilização não tem nenhuma novidade em relação aos anteriores. Suas medidas refletem as orientações do FMI (…) O fato é que os trabalhadores terão perdas salariais de no mínimo 30%. Ainda não há clima, hoje, para uma greve geral, mas, quando os trabalhadores perceberem que estão perdendo com o plano, aí sim haverá condições”. (Estado de S. Paulo 15.01.94) - “O Plano Real tem cheiro de estelionato eleitoral” (O Estado de S. Paulo, 6.7.94).
  • Guido Mantega ( atual Ministro da Fazenda )- “Existem alternativas mais eficientes de combate à inflação (…) É fácil perceber porque essa estratégia neoliberal de controle da inflação, além de ser burra e ineficiente, é socialmente perversa.” (Folha de S. Paulo – 16 de agosto de 1994)
  • Marco Aurélio Garcia ( Assessora especial da Presidência entre 2003/2010 )- “O Plano Real é como um “relógio Rolex, destes que se compra no Paraguai e têm corda para um dia só (…) a corda poderá durar até o dia 3 de outubro, data do primeiro turno das eleições, ou talvez, se houver segundo turno, até novembro”. (O Estado de S. Paulo, 7.7.94)
  • Gilberto Carvalho ( Ministro desde 2003 )- “Não é possível que os brasileiros se deixem enganar por esse golpe viciado que as elites aplicam, na forma de um novo plano econômico”(O Milagre do Real/ Neuto Fausto De Conto)
  • Aloizio Mercadante ( Ministro da Casa Civil e da Educação ) - “O Plano Real não vai superar a crise do país (…) O PT não aderiu ao plano por profundas discordâncias com a concepção neoliberal que o inspira” (do livro “O Milagre do Real”, de Neuto Fausto de Conto)
  • Vicentinho, atual líder do PT na Câmara dos deputados - “O Plano Real só traz mais arrocho salarial e desemprego” (O Milagre do Real)
  • Maria da Conceição Tavares - “O plano real foi feito para os que têm a riqueza do País, especialmente o sistema financeiro” (Jornal da Tarde, 2.3.94)
  • Paul Singer ( Porta-Voz da Presidência no Governo Lula ) - “Haverá inflação em reais, mesmo que o equilíbrio fiscal esteja assegurado, simplesmente porque as disputas distributivas entre setores empresariais, basicamente sobre juros embutidos em preços pagos a prazo, transmitirão pressões inflacionárias da moeda velha à nova.” (Jornal do Brasil – 11.3.94) - “O Plano Real é um arrocho salarial imenso, uma perda sensível do poder aquisitivo de quem vive do próprio trabalho”. (Folha de S. Paulo, 24.7.94)
  • Gilberto Dimenstein ( Jornalista ) - “O Plano Real não passa de um remendo” (Folha de São Paulo, 31 de julho de 1994 ).

segunda-feira, fevereiro 24

Salgueiro vai se complicando no Hexagonal do Título(??)

a foto é lindíssima, mas o resultado...
Uma rápida olhada na tabela de classificação do Pernambucano 2014 ( com os jogos da próxima rodada )é necessária antes de prosseguir com este post:


O amigo leitor pode, ao olhar a tabela acima, pensar que a situação do Carcará era a esperada ao término ( praticamente ) de quatro rodadas do estadual. E existem motivos para tal equivoco, afinal o time está em quarto lugar, posição que lhe garantiria a tão sonhada vaga nas semifinais. Mas é preciso olhar além dos números. E ao fazer isso podemos perceber que a dupla de Caruaru vai receber o Salgueiro no returno. E bastaria a qualquer deles vencer o Salgueiro para conseguir a vaga. Por isso é que os dois últimos empates foram ruins. 

Mas a dupla também terá partidas contra os grandes da capital Flávio, pode argumentar o torcedor. E é verdade, todos ainda terão muitas partidas contra Sport, Náutico e Santa Cruz. E a dupla tende a perder pontos contra eles, mas o Carcará também perderá. Além do mais iremos enfrentar agora Náutico e Santa Cruz fora de casa. Mas Central e Porto jogam e uma derrota nossa aliada a vitória de alguém no clássico do Agreste já nos tira do quarto posto. Podemos vencer o Náutico? Claro que podemos, mas isso é mais complicado temos que concordar.

Sendo assim o Salgueiro não poderá perder para a dupla de Caruaru no Luiz Lacerda ou teria compensar estes eventuais ( e nada improváveis ) tropeços com vitórias frente aos grandes no Salgueirão. E o primeiro jogo assim já foi empate...

Crédito da Foto: retirada do Facebook de Bruno Ferreira.

quinta-feira, fevereiro 20

Charge do Dia: Governo na direção certa?

Que me desculpem os que gostam/votam na Dilma: essa charge é perfeita!!!
Hoje o Governo Federal anunciou um corte de 44 bilhões de reais no orçamento. Isso já soaria estranho em um ano comum, mas este é um ano eleitoral... volto ao tema mais tarde com um daqueles textos bem densos, mas dos quais, pelo visto, vocês meus caros leitores tem gostado.

terça-feira, fevereiro 18

Será a vez de Pernambuco?

Eduardo terá chances de vitória?
Para começar este post quero deixar claro duas coisas:
a) Irei votar em Aécio Neves no primeiro turno;
b) Lula é sim pernambucano de nascimento, mas politicamente é paulista. Assim como Collor, fluminense de nascimento, é creditado como Presidente por Alagoas e FHC, igualmente fluminense como Collor, é creditado como um político paulista.

Dito isto, vamos ao post em si.

Eduardo Campos pode ser o primeiro político pernambucano a disputar uma eleição presidencial desde Roberto Freire em 1989. E ao contrário do então candidato comunista, ele tem chances reais de vencer. Quando digo reais, quero dizer que ele poderá chegar lá, algo que em 89 todos tinham certeza que Roberto jamais conseguiria. Eduardo tem pedigree de político e já deixou de apenas o neto de Miguel Arraes, ganhando luz própria. Governo o estado desde 2006 quando derrotou o então grande político do estado Jarbas Vasconcelos. Sairá do Governo com mais prestígio do que o agora aliado tinha em 2006. 

Aliás citar Jarbas Vasconcelos é por demais oportuno: ele posicionou-se contra o então jovem Governador e perdeu feio. Teve a mais dolorida derrota do Brasil em 2010. E agora, dado o cenário, preferiu não concorrer a re-eleição para o Senado. E olha que para seus aliados ( Mendonça Filho principalmente ) Jarbas seria o "senho" Pernambuco, aquele que ditaria os rumos da política em nosso estado. Agora nada mais do que apenas mais um dos muitos aliados do outrora desafeto. Como a política e a vida dão voltas, não é mesmo?

Mas voltemos a Eduardo Campos e sua campanha presidencial. Eduardo conseguiu tirar proveito da situação ocorrida com Marina Silva e filiou a ex-ministra e ex-senadora ao PSB. Manteve o baixinho Romário no Rio de Janeiro após o mesmo sair do partido. Tem ainda apoios consideráveis em outros estados, como a ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina e mais 4 governadores, embora apenas um não seja do Nordeste ( Renato Casagrande ) e mesmo assim de um estado bem pequeno ( Espírito Santo ). A maior parte dos deputados do PSB são do Nordeste e dos Senadores apenas um não é. Mas Eduardo perdeu um apoio importante: o dos irmãos Gomes.

Em 2010 Ciro Gomes pleiteava ser candidato a presidente, pois entendia que o apoio dado a Lula terminava com o Governo deste. Na opinião do ex-Governador era chegada a hora do PSB dar um passo maior e colocar-se como opção a Dilma, de quem Ciro era - na época ao menos - um crítico. Acontece que Eduardo, já prevendo sua candidatura agora, resolveu implodir as pretensões de Ciro, alijando-o da disputa. Tão logo Eduardo começou a ensaiar o seu voo solo, Ciro e o irmão Cid, criaram um outro partido e deixaram o barco de Eduardo. Perder espaço no Ceará foi um duro golpe nas pretensões de Eduardo, até porque a chegada de Marina não soma tempo de TV durante a campanha, mas a saída dos Gomes subtrai. 

Eduardo tenta vender-se como um político jovem, ousado e bom administrador. Não irei entrar em termos técnicos, mas diversos indicadores mostram melhoras em Pernambuco, algumas mais acentuadas que as outras. Pernambuco é um dos poucos estados onde a taxa de assassinatos caiu ( na Bahia, no mesmo período, triplicou ). Mas existem buracos em sua administração e nossa cidade sofre na pele com um deles: a questão da água. Entre os professores sua popularidade é baixa, mas normalmente só políticos do PT é que são bem quistos entre esta classe.

Eduardo Campos preparou-se para este movimento. E está pagando um preço por isso: vem sendo combatido pela rede de difamação do PT, que vem o chamando - dentre outras coisas - de ingrato e de que o sucesso do estado em sua gestão é fruto exclusivo do apoio dado a Lula. Cabe lembrar que foi Eduardo quem liderou a operação salvamento do Governo de Luiz Inácio, quando este estava a beira de um processo de impeachment por causa do escândalo do mensalão. Quem seria devedor a quem? Apoio este que Eduardo, por exemplo, não recebeu no episódio dos precatórios, quando era Secretário da Fazenda no Governo do avô. E isso é apenas a ponta do iceberg pois a rede de difamação na internet, em muitos casos paga com dinheiro do contribuinte que paga os salários do militantes que ocupam cargos no Governo Federal, não tem limites. Esperem para ver o que poderá acontecer caso Eduardo, em algum momento da campanha, ameaçar o posto de Dilma? 

Eduardo será eleito? O quadro atual aponta que será complicado ele conseguir ser o primeiro pernambucano eleito presidente. Mas não custa nada lembrar que em 2006 ele tinha 7%, o segundo colocado 26% e o líder quase 40%. E todos sabem bem o resultado final... portanto, não é prudente descartar Eduardo Campos.

Protestos x Terrorismo: vamos falar a verdade ou seguir mentindo?

Caro amigo leitor, observe atentamente esta foto do que seria um protesto pacífico, ocorridos no Rio de Janeiro neste mês de Fevereiro, durante o qual o cinegrafista da Band, Santiago Andrade, foi vítima de uma bomba  dias depois, infelizmente, morreu:


Agora pense e responda: isso é Democracia ou Vandalismo? Você gostaria de ser o Dono de uma das muitas Lojas, seguidamente, destruídas em manifestações? Você gastaria de chegar para abrir sua Loja e vê-la completamente arrasada? Creio que não...

O Brasil é uma das poucas Democracias que não possuem uma Lei Anti-Terrorismo. E sabem porque não temos? Dois são os motivos: medo de que em uma ( nada desejada ) volta ao regime ditatorial ela pudesse ser usada para prender, reprimir e até matar quem ousasse falar contra o Ditadora da hora e segundo porque os partidos de esquerda e/ou extrema esquerda não querem. É sobre este segundo motivo o assunto deste post.

Os Partidos de Esquerda se dizem defensores do povo usam isso a seu favor. Sendo assim criam diversos grupos e lhe atribuem o termo de "movimentos populares". Sendo assim tais movimentos teriam, na opinião de tais partidos, uma espécie de salvo conduto para transgredir as leis. Querem um exemplo prático? Procurem em nossa Constituição ou em nosso arcabouço jurídico uma única linha que seja que permita que o MST - Movimento dos Trabalhadores Sem Terra - possa fazer as invasões que fazem? Não existe uma única menção permitindo-lhe isto, mas existe o Direito à propriedade, que em toda e qualquer invasão é violado.

Posso citar tantos outros exemplos ( como por exemplo ser crime interromper o trânsito em uma Rodovia ou Ferrovia Federais ), mas estes tais movimentos são, digamos assim, o verdadeiro supra sumo dos partidos de esquerda. Mas me diga caro leitor: você se sente representado quando o MST invade uma Fazenda produtiva e queima e/ou destrói tudo que nela exista? Aqui cabe um dado sobre o MST: 100% das Fazendas invadidas são produtivas e possuem benfeitorias. O, dito, Movimento Popular não invade propriedades que estejam abandonadas ou que não tenham benfeitorias. Pois é...

Mas o que tem o MST e os outros movimentos populares com o fato de não termos uma lei anti-terror? Tudo, é claro. Se sancionarmos uma lei como deve ser feito, estes "ditos" movimentos teriam que mudar seu modus operandi, passando a agir ( que coisa ) dentro da Lei!!! E isso os partidos de esquerda e/ou extrema esquerda acham inaceitável.

Voltando aos Black Blocs e a imagem que abriu este texto, o amigo leitor pode perguntar: mas porque evocar o MST para falar dos Black Blocs? Fácil: como não está na moda defendê-los ( o PSOL está pagando o preço por isso agora ), os outros partidos querem ancorar-se nos outros esbirros do socialismo para defender - que coisa!!! - os Black Blocs. Como?

Ora deixando de fora da Lei Anti-Terror que está no Congresso os "ditos" movimentos populares, que seguiriam podendo toca o terror em todo o território nacional. A lei que está em discussão, na prática permite toda e qualquer manifestação... desde que pacífica. E quem é pacífico deveria apoiar a lei, pois ela apenas irá punir os violentos!!! Atos como os que temos visto nas ruas de São Paulo e no Rio de Janeiro são ações terroristas e não devem ser permitidas a ninguém. Mas porque então as pessoas não chamam isso pelo nome verdadeiro? Porque existe o tal "pensamento politicamente correto" ( pra mim incorreto ), que nada mais é do que o pensamento das pessoas de esquerda/extrema esquerda. Eles acreditam que não se pode chamar isso de terrorismo, pois é o que mais sabem fazer, tocar o terror. Quem nunca viu pela TV a delicadeza do MST ao invadir uma Fazenda? Ou uma greve de professores acabar descambando para atos de vandalismo? Aqui eu tenho que ser sincero: a maioria dos professores desabona tais atos, mas se omite de tirar os grupos de esquerda de poder no Sindicato.

A imprensa é quem poderia fazer este papel, mas ela está atualmente sendo pautada pelo pensamento de esquerda, o que é terrível. Ano passado, durante os protestos de Junho/Julho um carro de reportagem da Rede Record foi queimado e diversos profissionais de imprensa, quando identificados eram ameaçados e/ou hostilizados. Resultado prático? As emissoras, temendo que seus funcionários fossem agredidos, passaram a mandá-los às ruas sem qualquer identificação. E sem identificação da emissora, os policiais não tem com distinguir quem é manifestante de quem é jornalista. A imprensa poderia prestar um excelente papel a sociedade cobrando que a lei fosse aprovada, mas o sindicato - sempre eles - é dominado pelos partidos de esquerda. O Sindicato do Rio de Janeiro inclusive lançou uma nota colocando a culpa, santo Deus!!!, em Santiago Andrade e na Band. Culpar os manifestantes? Nem pensar...

Chego agora ao ponto pior: para os manifestantes a bomba/rojão não era para Santiago e sim para a polícia. O Sindicato dos Jornalistas do Rio de Janeiro, comandado por uma ex-assessora de Marcelo Freixo ( Dep. Estadual do PSOL ), culpa a própria vítima e a Band pelo ocorrido. A Ministra dos Direitos Humanos(??) Maria do Rosário nada disse sobre o assunto. A Presidente Dilma idem. E os Black Blocs estão sendo defendidos por pessoas na Internet como se isso fosse uma coisa, como direi, aceitável.

E para finalizar: para você, caro leitor, esta imagem abaixo é aceitável? Se por acaso a resposta for sim, pense melhor e lembre-se que no futuro poderá ser um filho seu...


segunda-feira, fevereiro 17

Charge do Dia: Tempo para pensar na resposta

Será suficiente?

Empate que pode custar caro este do Salgueiro ontem...

Carcará emperrou diante da Patativa do Agreste...
Eu falei aqui antes do início do Hexagonal do Título(??) que a luta do Carcará para chegar às semi finais do Pernambucano 2014 era contra a dupla de Caruaru e não contra o trio de ferro da capital. E baseio esta afirmação em um conta fácil: parece-me óbvio que Naútico, Sport e Santa Cruz consigam chegar lá, portanto só teria uma vaga em aberto, disputada pelos outros 3 times e quem conseguir mais pontos nestes confrontos ( salvo um deles vencer 2 ou 3 partidas diante dos grandes ) irá conseguir a vaga.

O Salgueiro largou bem derrotando o Porto, mas se complicou muito ao empatar com o Central. Primeiro porque deixou de vencer um rival direto na briga e segundo porque terá que jogar no Luiz Lacerda. Além disso pela segunda rodada seguida o ataque do time não disse presente. E sem marcar gols, todos sabem que não tem vitória. Sendo assim o time agora terá que vencer o Central fora de casa ou conseguir vencer uma partida a mais do que o Central contra os grandes.

Complicado? A história demonstra que não é prudente duvidar deste time, mas que os gols perdidos ontem podem cobrar um alto preço, isso é inegável.

quarta-feira, fevereiro 12

Cadê a coragem Black Bloc?

Pois não é que sem a máscara eles são covardes até a alma?
O Brasil irá completar no ano que vem apenas 30 anos de Regime Democrático. Agora em 2014 é iremos votar pela sétima vez para Presidente. Nossa Constituição vai completar míseros 26 anos.

Porque citar todos estes fatos acima, Flávio? Porque é preciso pontuar que nossa Democracia ainda é, infelizmente e em muitos sentidos, incipiente. A geração atual ( quem tem de idade entre 15 e 20 ) é a primeira formada totalmente nascida e educada no regime democrático. Eu que faço 40 no mês que vem, nasci no fim dos anos de humbo do Médici. Portanto esta geração de jovens ( e pra mim jovem vai até, no máximo os 20 ) é a verdadeira geração democrática. E cá pra nós, com poucas exceções, eles não entenderam direito o que isso representa.

Vá lá que os ditos representantes(??) sociais sejam, na prática, militantes políticos de partidos de esquerda ( que não pensam, não trabalham e - pior de tudo - não estudam ). A Presidente da UNE, pernambucana, tem 28 anos!!! Além de filiada ao PC do B ( partido que infelizmente manda e desmanda na UNE ) ela está fazendo sua terceira faculdade. Seu antecessor estava a 8 anos no mesmo curso. Mas voltemos aos Black Blocs, deixando este assunto para um outro post...

Os manifestantes dos Black Blocs são, em sua maioria, pessoas acima de 20 e menores de 30 anos, portanto fora do que chamei acima de "geração democrática". Pior do que isso foram doutrinados no que de pior existe em termos de pensamento no mundo: as teses socialistas, ancoradas no Marxismo. Não vou cansar os leitores comuns dos que possuem conhecimento técnicos, mas de uma maneira simples podemos dizer que pessoas com este pensamento acreditam que a Democracia seria apenas um empecilho na busca pelo bem maior, que seria o Socialismo, onde tudo seria comandado pelo Estado, mas um estado sob o comando do povo. Bom isso foi tentando na URSS, China, Coreia do Norte, Cuba... e os resultados estão ai para provar que não deu certo e quantas vidas foram perdidas pelo caminho. Em alguns casos, ainda estão sendo perdidas...

Estes jovens não respeitam a governo, polícia, a imprensa, a justiça... enfim nenhum dos mecanismos democráticos. Para eles é preciso sempre mais e mais avanços dos "direitos sociais". Aqui é prudente dizer que é, sim, democrático protestar. Aliás quando um povo, em uma Democracia não reclamar é um péssimo sinal. O problema é o modo como se faz isso. E com certeza sair de casa com uma bomba caseira não é uma delas.

Isso posto acima vale para os Black Blocs ou para o MST, que vive fazendo arruaças Brasil a fora, com o incrível apoio do Governo Federal. O MST nunca invade uma Fazenda improdutiva, sempre faz o seu circo nos mais valorizados hectares do Brasil. Mas isso também vai render um outro posto mais a frente. Voltemos a foto que ilustra este post. O valente se chama Caio da Silva de Souza e foi preso numa pousada em Feira de Santana na Bahia. Porque é que ele, tão valente com uma máscara, fugiu? 

Se ele sabe que em uma Democracia somos responsáveis pelos nossos atos, porque fugir? Curioso é que o rapaz da foto divulgada como suspeito não bate com esta no post. Duvidam?


Mesmo que ele tenha cortado o cabelo para ficar diferente, duvido que ele deixaria de ser lizo como na foto. Além disso o retrato falado é completamente incompatível com a foto. Das duas uma: ou estão tentando proteger alguém, digamos assim, mais graúdo ou quem deu a descrição fumara uma "boa" maconha. Não por acaso defendida por quase todos os esquerdistas.Mas isso também fica para outra hora.

Cadê a coragem Black Blocs? Porque fugir? Quer dizer que vocês são os maiorais para matar um inocente, mas para responderem por seus atos correm feito covardes? Aliás está a palavra que melhor existe para defini-los: COVARDES. E quem os apoio é igualmente covarde. Por isso amigo leitor, procure ler sobre o assunto e ver quem está dando cobertura a eles ou se ausentando de tomar medidas, duras, contra este tipo de pessoa. Porque a próxima vítima pode ser você ou alguém que você ame.

Um mês de Blog

Passaram-se 30 dias. E o monitoramento de acessos totaliza 2.197 visitas, o que dá uma média de mais de 70 acessos por dia, quase 3 por hora. Nada mal, pois eu esperava menos acessos no começo.

Até aqui o Blog ganhou um publico cativo e qualificado que pretendo manter e aumentar. Aos que deixaram suas mensagens ( aqui ou no Facebook ), obrigado. Isso me dá mais força para manter o espaço atualizado com opiniões, fortes, sobre os assuntos do dia-a-dia.

terça-feira, fevereiro 11

Democracia, protestos e o pior da humanidade

A foto é chocante. E é esta a ideia que quero passar...
Vivemos dias perigosos. Bem perigosos se querem saber. O momento do Brasil é, acreditem, altamente delicado. Quando pessoas vão às ruas com bombas é quando estamos perto de tragédias sem precedentes. Quando pessoas como a que está em segundo plano na foto ( com máscara de gás com detalhes em azul, amarelo e vermelho ) acham que podem soltar bombas e que isso é legítimo, estamos moralmente próximos do fim. Para Santiago Andrade, o homem carregado com o rosto coberto de sangue, infelizmente tudo acabou ontem.

Santiago Andrade era um pai de família, pagava seus impostos em dia, era trabalhador dedicado e querido pelos colegas de profissão. Em suma um brasileiro como tantos outros e que estava nas ruas do Rio de Janeiro exercendo o seu ofício. Estava fazendo o que de melhor sabia fazer. Não estava ali para criticar este ou aquele lado. Devia ter uma opinião sobre o assunto, mas isso agora é irrelevante. O fato é que passamos dos limites.

E quando digo que passamos dos limites, que fique bem claro, não refiro-me apenas ao rapaz ali atrás, um verdadeiro Black Bloc. Não, falo de maneira mais ampla, tentando incluir todos nós brasileiros, sem exceção. Quando, em uma nação pacífica, vivemos cenas de guerra e barbárie em nossas duas maiores cidades é o claro, e indelével, sinal de que nossa Democracia está precisando ser reformada. 

E porque reformada Flávio? Simples: a nossa Constituição, infelizmente, foi erguida sobre a égide do preso político. Sim, infelizmente!!!. Por termos saído a tão pouco tempo de um regime de exceção, foi consenso entre os Constituintes que a Carta Magna teria que ter todo tipo de garantias, como forma de que - em uma eventual volta a um regime ditatorial - os direitos de quem decidisse lutar contra o Ditador do momento fossem mantidos. A premissa, errada, fez com que o que deveria ser uma Constituição excelente virou um texto com defesas, recursos, empecilhos para condenar bandidos. E que hoje, na prática, concorre para deixar quem tem excelente advogados fora da cadeia. Ou que ao menos demore anos e anos para que possa ser preso.

E o que isso tem com a morte de Santiago? Tudo. Nossa lei é brande demais com quem assume o risco de matar. Os Black Blocs se escondem atrás da ausência de uma legislação para combater crimes de terrorismo. E sabem porque não temos uma? Porque na Constituinte não se incluiu isso, pois - novamente pensando em uma Carta em período Democrático que pudesse ser usada em uma Ditadura - pensaram: "um ditador poderia usar isso para incriminar quem resolvesse lutar contra ele". 

Ora meus amigos, se voltarmos a uma Ditadura ( Deus nos livre dessa má hora ) a primeira coisa que o Ditador fará é revogar a Constituição Democrática. Por isso perdemos tempo, em alguns assuntos que fique claro, em 1988, enquanto poderíamos ter feito uma Carta para o futuro. Por causa disso não temos uma legislação anti-terrorismo. Que é o que o Black Blocs fazem. Gostem ou não o nome de ações como a ocorrida no Rio de Janeiro é uma ação terrorista. E isso deve ser punido de forma exemplar, talvez até mesmo com prisão perpétua. Outro item que infelizmente não existe em nossa Constituição.

Santiago Andrade morreu ontem e uma parte de nós também. Mas algumas pessoas - sobretudo as de partidos de esquerda e/ou extrema esquerda ( PT, PC do B, PSTU, PSOL, PCO e cia ) não acham que o ocorrido seja algo fora do comum tão grave assim. Não vi nenhum deles se manifestarem a favor de Santiago Andrade como o fazem em favor dos manifestantes quando agredidos. E sim, eu não gosto nenhum pouco dos partidos de esquerda e/ou extrema esquerda e não faço a menor questão de esconder isso. Se ao contrário de Santiago tivesse sido um Black Bloc ai sim estes partidos iriam fazer o maior fuzuê. Agora é que a Presidente Dilma mandou a Polícia Federal entrar em ação. Porque os Black Blocs não são presos? Porque?

Estamos mal, muito mal. A saúde é precária, a educação não avança, temos diversos problemas estruturais... e vamos realizar a Copa mais cara da história!!! É natural, aceitável e - sobretudo - democrático que protestemos contra tudo isso que está ai posto. Mas protestar é uma coisa, matar inocentes é outra completamente diferente. E o quanto mais rápido entendamos isso melhor será para o Brasil. Para que a morte de Santiago Andrade ( pai, marido, trabalhador exemplar, etc ) não tenha sido em vão. Devemos isso a memória dele. Devemos isso ao Brasil do futuro. 

segunda-feira, fevereiro 10

Charge do Dia: Bombas explodindo perto do planalto

Dilma está preocupada com os black blocs...
Lamento profundamente a morte do Cinegrafista Santiago Andrade. Ele foi gravemente ferido durante um protesto por uma bomba jogada por um Black Bloc. Ele ficou em estado grave e hoje teve sua morte cerebral declarada.

A Presidente Dilma está bem preocupada com os protestos e como eles podem repercutir negativamente durante a Copa e, claro, na sua até aqui tranquila caminhada rumo ao segundo mandato. É sobre isso a Charge.

Salgueiro vence na abertura do Hexagonal do Título(??)

Capitão Marcos Tamandaré levanta o troféu...

e os jogadores começam a festa.
Antes da partida contra o Porto o time do Salgueiro recebeu a Taça Gov. Miguel Arraes, referente a conquista do primeiro turno. Festa merecida e que encheu a torcida de alegria.

Na sequência uma partida morna, algumas chances perdidas depois o time conseguiu fazer 2x0, gols de Caicó e Daniel. Ai o Técnico Cicero Monteiro resolveu tirar o volante Pio e colocar o nigeriano Yerien e o time se perdeu na marcação. Tomou o gol do Porto ( Felipe Almeida ) e por muito pouco não tomava o gol de empate. Com muito sofrimento o time se segurou e largou bem. Mas esteve longe de ter uma boa atuação.

Agora o time viaja até a capital para enfrentar o Sport. O time da Ilha do Retiro é o único que ainda não perdeu em seus domínios pro Carcará. Esta é uma excelente oportunidade para quebrar este tabu, não é mesmo?

Créditos das imagens: 
Tamandaré levantando a taça - Héliton
Volta olímpica - Comunidade Carcará Net Facebook.



domingo, fevereiro 9

Governo muda o foco da Copa: de legado eterno para Copa das Copas.

Dilma, a Copa e Blatter...
Quando, no distante ano de 2007, o Brasil foi o único a se candidatar a sediar a Copa da América do Sul ( pelo sistema de rodízio caberia a uma das 10 nações do continente filiadas a FIFA organizá-la ) fez-se um grande estardalhaço, sobretudo pelo Governo do então presidente Lula, de que isso seria um grande feito e demonstração do "novo" Brasil. Além disso ouvimos abertamente que a Copa seria o indutor de pesados investimentos em mobilidade urbana e modernização dos aeroportos. Mas eu me lembro de outra: que o dinheiro gasto seria praticamente todo feito pela iniciativa privada.

Se você faz parte do grupo de ingênuos a terem acreditado em Lula e em Ricardo Teixeira ( o então presidente da CBF ), me desculpe mas você é quase um idiota. Passados quase 7 anos daquele dia em Zurique na Suíça, eis que o Brasil se vê em vias de passar vergonha internacional. Aliás já estamos, pois somos o mais atrasado de todos os tempos com as obras nos estádios ( 4 ainda não estão prontos ). Mas apenas o estádios ficarão prontos. Lembram-se do tal legado?

Pois é, ele foi abandonado. Diversas cidades sequer tiveram obras realizadas nos seus aeroportos. Isso em cidades que possuem um Internacional. Natal que não possui, ficou sem o seu, que só estará pronto, na melhor das hipóteses, em 2016. Os Portos, que seriam outra excelente forma de receber os visitantes, também não ficaram prontos ( mas um em Cuba foi até inaugurado ). Que tal ao menos as obras de mobilidade urbana? Também não estarão prontas até o fim da Copa. Sendo assim, pra serviu a Copa?

Para doar um estádio pro Corinthians, assim como reformar os de Atlético-PR e o do Internacional. Além de criar 4 elefantes brancos pelo Brasil afora ( Brasília, Natal, Cuiabá e Manuas ), cidades onde a média de público é quase nula - exceção a capital potiguar ). Estádios financiados pelo BNDES, que recebe recursos do Tesouro Nacional, portanto de nossos impostos. E quando os impostos não são suficientes, o Governo contrai empréstimos a taxa de 10% ao ano ( ou superior ) e empresta a 2% ao ano. A diferença acho não preciso dizer quem paga, não é mesmo?

Com base em pesquisas de opinião, o Planalto mudou o discurso de legado para o "Copa das Copas", pois percebeu que o povo não iria engolir que houvera uma revolução nas cidades. Por isso Dilma usou o termo cunhado por Nizan Guanaes para agradar o povo no sorteio da Copa na Costa do Sauipe. Sendo assim, agora não se fala mais em legado pois é óbvio que o mesmo não existe e sim que iremos realizar a "melhor Copa de todos os tempos".

E assim somem diversas irregularidades ocorridas durante a construção dos estádios e permanentemente apontadas pelo TCU ( Tribunal de Contas da União ), que é duramente criticado pela Presidente. Sem as mudanças prometidas a Copa não interessaria ao Brasil. E o que vai sobrar de proveitoso será somente a Copa em si, porque a conta está e será pesada pelos próximos anos. E ainda tem Olimpíada em 2016...

sábado, fevereiro 8

Risco de racionamento de Energia aumenta...

Dilma está extremamente preocupada com isso...
Fernando Henrique viva o penúltimo ano de seu Governo quando sua ineficiência em cuidar do setor elétrico cobrou a fatura: o risco era iminente de racionamento de energia, o que acabaria realmente acontecendo. Muito da vitória do PT em 2002 deve ser creditada por este erro estratégico do Governo do PSDB. Pegou mal, mas muito mal um país que já não conseguia crescer como esperado e desejado ficando sem energia. Medidas de emergência foram tomadas e em 2002 a situação do setor já era menos dramática. Mas o estrago político já estava feito.

Lula assume a presidência e a pedido do ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra nomeia a então desconhecida Dilma Rousseff para a pasta de Minas e Energia. Ela ocupara cargo semelhante no Governo de Dutra e por lá diversificará a produção de energia do estado, sobretudo com a implantação de usina eólicas. A atual presidente foi quem tocou todas as ações na área de energia desde então. Até hoje, mesmo sendo presidente, alguns afirmam que ela é quem toma decisões, ficando o Ministro Edison Lobão ( do ineficaz Maranhão ) no papel de um mero ordenador de despesas. É o que dizem...

Eis que o UOL traz uma matéria ( clique aqui para ler a matéria completa ) em sua capa falando que as chances de um racionamento de energia aumentaram consideravelmente. E a culpa é de quem? Bom, podemos que assim como em 2001, a culpa é da falta de chuvas. No Sudeste choveu menos da metade do esperado, e acho desnecessário dizer que no Nordeste não foi diferente. Sendo assim estamos com reservatórios em níveis baixíssimos para esta época do ano. O que também ocorrera na época de FHC. 

Segundo Reinaldo Azevedo, colunista da Veja.com, quem de fato manda na política elétrica brasileira é São Pedro. Sim, ele sim, já que segundo os católicos é ele quem determina quando e onde as chuvas vão cair. Claro que isso é uma piada, mas demonstra que as coisas não mudaram tanto assim nestes 11 anos. Se chover bem, ok tudo fica bem. Se não...

Ai vem a pergunta: este seria o principal legado de Dilma, pois ela foi Ministra até 2005, mas mesmo quando foi para a Casa Civil continuou dando as cartas no setor. E o legado está se demonstrando péssimo. Quanto isso, caso ocorra mesmo um racionamento, irá afetar sua campanha pela re-eleição? Não para saber agora, mas danos irão ocorrer com certeza.

Atualmente o que nos separa de um racionamento são as Usinas a Gás Natural, Carvão ou a Diesel, mas estas usinas geram energia mais cara que a hidroelétrica. E quem cobre a diferença que as operadoras ( CELPE em Pernambuco ) é o Tesouro Nacional, ou em bom português nós mesmos que é quem pagamos impostos.

Oficialmente o Governo Federal nega o risco de Racionamento e diz que o apagão desta semana nada teve a ver com esta situação, precária, da quantidade de energia gerada. Todavia o Governo confirmou que todas as Usinas Termoelétricas estão em uso. A expectativa do Governo é que com o aumento das chuvas a partir de Abril não seja necessário realizar racionamento. Uma outra saída poderá ser comprar mais energia ao Paraguai.

O que fica claro é que a Gestão de Dilma Rousseff no setor elétrico está bem longe de ser sequer boa. Ainda mais quando lembramos do bombardeio feito por Lula e o PT a FHC em 2001. Já naquela época Dilma era a expert na área, tendo ajudado no Plano de Governo de Lula...

quinta-feira, fevereiro 6

Os perigos por trás da, merecida, conquista do Carcará

E deu a lógica...
E o Salgueiro cumpriu o que eu considerava uma obrigação: vencer o primeiro turno. Claro que esta afirmação minha baseia-se no fato de que o time é hoje a quarta força do futebol pernambucano. Está na Série C e tem mais espaço do que o Central em âmbito nacional. E, claro, incomoda os grandes mais do que a equipe centralina.

Isso diminui o feito conseguido ontem com a vitória por 3x0 diante do América ( este, um ex-time grande )? Não, claro que não. Mas dá a medida do que é lugar do Salgueiro: o de um time que se projeta desafiar e, sobretudo, vencer os grandes nos momentos decisivos. Em 2012 o time chegou bem perto de uma final e agora precisa, ao menos, repetir o feito. Para mim o time tem que ocupar a vaga restante ( partindo do principio de que Naútico, Sport e Santa Cruz fiquem com as outras 3 ) na semi-final, deixando os times caruaruenses pelo caminho. 

Outro resultado neste Hexagonal do Título ( que não decide o título!!! ) será considerado um fracasso. E é aqui onde queria chegar: a torcida já fala em vencer o Pernambucano 2014. E isso é um perigo. E dos grandes. Domingo iremos receber o Porto e o rival já nos venceu no Cornélio de Barros. Se vencer novamente, a torcida vai aceitar numa boa? Não, mas deveria. Estou dizendo que o time vai perder? Não, é claro. Mas digo que o rival é perigoso e já demonstrou isto. Contra os grandes qualquer resultado é normal, qualquer mesmo. Mas o time terá que melhorar seu desempenho contra os times de Caruaru, porque se somar 12 pontos ( serão 4 partidas contra Porto e Central ) o Salgueiro garante-se automaticamente nas semi finais, talvez até conseguido 8 ( duas vitórias e dois empates ).

A realidade é que a conquista de ontem foi importante sim e deve ser comemorada. Mas com moderação. Pois a mesma será inócua, ou seja sem valor, caso o time não seja um dos semifinalistas. Portanto torcedores: pés no chão e vamos lotar o Salgueirão e empurrar o time pra conseguir os 3 pontos diante do Porto. É a nossa obrigação.

quarta-feira, fevereiro 5

Charge do Dia: Só rezando mesmo

Dilma, que não acredita em Deus, e Lobão: que dupla mais "apagada"
Ontem aconteceu o décimo apagão da Gestão Dilma, que durou quarenta minutos e afetou estados das Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Desta vez nós Nordestinos ficamos de fora.

E quando digo gestão, me refiro a presidencial apenas, porque se considerar-me que ela é quem mandou na área durante o Governo Lula a conta é bem mais abrangente. E isso um dia após o Ministro Edison Lobão, do Maranhão e aliado dos Sarneys, garantir que o risco de apagões acontecerem era de ZERO porcento. Imagina se fossem de 50%. Por isso a charge acima. 

Só rezando mesmo...

Médica Cubana que decidiu não ser mais escrava, está - na prática - presa no Brasil

E a verdade sobre o mais médicos começa a vir a tona...
O texto será longo e terá viés político sim, mas convido todos vocês a lerem e entenderem como se dão as coisas no Governo do PT. Vamos adiante?

Caiu uma bomba em Brasília. Calma, a Al Qaeda não fez outro ataque terrorista a duas torres ( caso não se lembre, o Congresso é formado por duas Torres ). A bomba é, por enquanto, apenas ideológica mas poderá ter sérios desdobramentos. A pessoa ao fundo na foto é o Deputado Federal Ronaldo Caiado ( por quem tenho o mais profundo desprezo como pessoa ), mas no primeiro plano está a Médica Ramona Matos Ródriguez. Sim caro leitor, ela é Cubana. E o documento que ela segura em suas mãos é o contrato de trabalho do Mais Médicos com a Sociedade Mercantil Cubana Comercializadora de Serviços Cubanos. Com quem? Pois é, este é nome pomposa para a Agência da Ditadura dos irmãos Castros para ganhar dinheiro, quem diria, no mundo capitalista.

O Programa Mais Médicos foi criado para ser o carro chefe da campanha pela re-eleição da Presidente Dilma Rousseff. O programa, que diga-se de passagem, é até interessante pois um dos problemas da saúde no Brasil é sim a falta de profissionais em certas áreas carentes e de difícil acesso, mas com certeza não é o único. Mas ok, que se faça algo, mas a minha crítica desde o começo foi contra o modo como isso se deu. 

Todos sabem ( alguns sabem mas por ideologia barata negam ) que Cuba é uma Ditadura. Que supostamente é Socialista. Supostamente sim, porque na prática ela é apenas uma Ditadura. Sendo um regime anti-democrático os cidadãos(??) tem duas escolhas básicas: concordarem com o regime ou arriscarem o pescoço no Golfo do México tentando chegar até Miami. Não por outro motivo mais de 10mil tentam a travessia todos os anos. Infelizmente alguns nunca conseguem chegar na Costa dos EUA: morrem na tentativa ou são presos pelas forças repressoras. Pois bem, Ramona Matos Ródriguez fazia parte dos que concordaram com o regime dos irmãos Castros ( primeiro Fidel e agora Raul ). Ela fez parte dos 4mil médicos cubanos que foram mandados pro Brasil pela ditadura. Até poucos dias atrás ela estava atendendo a população da cidade de Pacajá, no Estado do Pará. 

Aqui é preciso fazer um corte: todos os médicos participantes do Programa receberiam, segundo o Governo, 10 mil reais, uma quantia nada desprezível com certeza. Mas sabem quanto os cubanos estão recebendo? 400 dólares, ou pelo cambio atual, o que dá pouco mais de 990 reais. Para um médico cubano que ganha 25 dólares por mês parecia uma fortuna. Mas venhamos e convenhamos: é uma miséria.

Ramona Matos Ródriguez assinou um contrato ( que ela exibe na foto ) com a tal Sociedade Mercantil Cubana Comercializadora de Serviços Cubanos. Até ai tudo bem ela aceitou ( ou talvez seja melhor dizer que ela foi obrigada ), realizar os serviços e vir ao Brasil. Mas ela assinou um contrato para receber 1.000 dólares por mês, mas só receberia no Brasil os 400 citados. Mas e os outros 600 dólares? Ela vai receber, supostamente, quando voltasse para Cuba. Entenderam o busilis? O Governo Brasileiro paga a Ditadura Cubana 10mil, que paga 1 mil dólares aos médicos, mas apenas 400 enquanto estiverem no Brasil e diz que vai pagar os outros 600 quando este voltarem. É a garantia da escravidão. E isso é VETADO pela Lei Brasileira, como todos sabem. Se e quando eles voltarem a Cuba é que receberão os valores. O Ministério do Trabalho no Brasil produz ações para prender qualquer brasileiro que empreguem pessoas dessa forma, mas o Governo Brasileiro aceita que Cuba faça isso em território nacional. Lindo não?

Mas isso já seria trágico, porém tem mais: ao perceber que não conseguiria viver no Brasil com pouco menos de mil reais, Ramona deu no pé. E ai passou a ser perseguida pela polícia federal ( o que é um ABSURDO TOTAL ). Mas porque a PF passou a persegui-la, podem perguntar os leitores? Ora é fácil responder: o Governo Brasileiro mais do que amigo é 100% simpático a Ditadura Cubana e portanto trata os desertores do regime como criminosos. Além do mais, no contrato firmado entre o Brasil e Cuba pelo Mais Médicos está a garantia de que o Governo não concederá asilo político a quem, porventura, resolve ficar por aqui. Além disso o Governo aceitou vetar que médicos cubanos possam exercer a profissão no Brasil. Isso é asqueroso.

Chegamos então a foto e o porque de Ronaldo Caiado estar nela. Ramona Ródriguez pediu ajuda a Caiado, que é médico, e o mesmo a colocou no gabinete da Liderança do Partido, onde ela está a salvo da PF. Salvo com ordem do Supremo nenhum agente da Polícia Federal pode adentrar nas dependências do Congresso para prender quem quer que seja. Mas se ela sair, será com 100% de certeza presa. A Mesa da Câmara do Deputados nada pode fazer, pois o local pertence a Liderança do Partido. 

Temos agora um problema diplomático, mas eu me preocupo mais é com outro: o político. Porque um Governo de uma nação Democrática aceita realizar um contrato obscuro como este? Como, e porque, aceitar sujeitar-se a violar regras internacionais das quais o Brasil é um signatário de diversos Acordos e Tratados? Como aceitar algo que no Brasil é crime, no caso o Trabalho Escravo? Porque aceitar que uma Ditadura retenha salário de profissionais?

Por fim cabe uma pergunta: será que aceitaram isso para que parte deste dinheiro retorne na forma de doações? Parece loucura é? Talvez até seja, mas deve existir uma explicação para tanta benevolência com a Ditadura Cubana. Que o Governo explique, e de forma clara, porque firmou um contrato violando leis nacionais e internacionais, deixando claro com quem é o contrato e porque aceitou, expressamente, negar asilo político a quem ( ousar ) desertar? 

Existem muitas nuvens neste cenário e é prudente que o Governo as dissipe. O mais rapidamente possível...

segunda-feira, fevereiro 3

Propostas para o trânsito: Onde colocar as Vans e similares?

Vista aérea do plano para melhorar o fluxo das vans e similares
Como dito nos posts anteriores, este Blog trará propostas ao invés de apenas criticas ao modo como o trânsito(??) de nossa cidade vendo sendo gerido(??). E na pauta do dia temos o que eu afirmei anteriormente que seria, talvez, o maior problema: os veículos de transporte de passageiros. 

Na imagem acima está retratada o que entendo ser a melhor opção para que os visitantes que passam por Salgueiro todos os dias fiquem o mais próximo possível do que os atrai até aqui: Comércio, Profissionais da área de Saúde e a Rede Bancária. Os veículos entrariam - exclusivamente - pela Av. Major Antônio Rufino até chegarem perto da ponte da Rua Joaquim Sampaio ( conhecida como ponte da Bomba ) e entrariam a esquerda e estacionariam no terreno nos fundos da Escola Dom Malan, bem como nas ruas laterais a esta. 

Desta forma os veículos chegariam ( e também sairiam ) usando a mais larga das artérias de nossa cidade, sem enfrentarem semáforos ( apenas na saída ) e estacionando em um local estrategicamente central, próximo de quase tudo. Algumas pessoas sugerem que fosse na Estação do Forró, mas lá existem outros problemas: não é tao central ( fica distante da Bomba ) e o acesso envolve ruas mais estreitas e que não suportariam este trafego excedente. Por fim, o local é muito grande para ser pavimentado, no que na minha sugestão já cairia bem o custo, além de ter que pavimentar apenas duas ruas, que nem são tão grandes assim.

Uma vez que chegassem lá, as pessoas desceriam dos veículos e teriam a sua disposição Táxi e Moto-Taxi a preços fixos para levá-las a qualquer lugar dentro do que eu chamaria Zona Comercial ( explicarei em outro posto onde seria esta área ). Penso eu que R$ 1,00 para Motos e R$ 5,00 para carros seriam valores atraentes e justos. Alguém ai pode perguntar: quer dizer então que as Vans e Similares não poderiam circular por estar áreas ou os bairros mais afastados? Não e eu explico porque: ao fazerem isso, não evitaríamos os congestionamentos pontuais que temos em Salgueiro ( Av. Ant. Angelim, Caixa Econômica, Banco do Brasil, Sede da Diocese, etc... ). E a ideia é evitar tais gargalos, o que só seria possível ordenando o trafego destes veículos.

Em tempo este meu plano não inclui os ônibus. Estes devem ficar em outra área fora da cidade ( de preferencia às margens de uma das duas BR´s ), em um terminal a ser construído ou até mesmo no atual Terminal Rodoviário, servido além de Táxi e Moto-Taxi por serviço de ônibus, igual ao que tínhamos até bem pouco tempo.

O local é estrategicamente bem localizado e facilitaria demais a entrada e saída dos veículos...

Para implementar o plano, uma única mudança no trânsito teria que ser feita: tornar a Rua Carlos Soares de Brito ( Casa de Cornelito - Prefeitura ) em mão única, sentido Avenida - Praça da Bomba. Também a Prefeitura teria que re-ordenar a feira livre, deixando a Rua totalmente livre. No mais seria necessário pavimentar o local, dotando-o de estrutura para melhor atender os visitantes, tais como: lanchonetes padronizadas, banheiros e os já citados meios de transporte para os outros locais da cidade.

Sem as vans ruas hoje estranguladas ficariam livres para os motoristas de veículos de passeio e/ou serviços ( ambulâncias, polícias, Celpe, Compesa, etc... ) trafegarem mais rapidamente evitando transtornos e constrangimentos, dando agilidade para os deslocamentos.

Alguém pode perguntar: mas isso existe em outros locais? Eu respondo com outra pergunta: qual foi a última vez que você viu uma Van dentro da área da cidade do Recife? O trânsito pode não ser o ideal na Veneza brasileira, mas seria infinitamente pior se Vans disputassem o espaço ( reduzido ) atual.

E ai meus caros leitores? O que acharam? Discordam? Vislumbram saída melhor? Opinem, a caixa de comentários é toda de vocês...

Porque certas coisas se repetem tanto no Futebol?

Torcedores(??) invadem o CT Joaquim Grava...
Existem certas coisas no Brasil que jamais mudam. São muitos os casos de erros graves e/ou gravíssimo que seguem sem que alguém tome uma medida concreta para corrigir tais problemas. Um deles, não exatamente o pior, é o das Torcidas Organizadas. Quer dizer, torcida é um termo errado, bandos criminosos organizados é o mais adequado.

O Futebol não precisa de diversas coisas ( Federações por exemplo ), mas com certeza de Bandidos Organizados é umas mais desnecessárias. Mundo afora existem casos terríveis de brigas, mortes e tragédias. Aqui no Brasil as mortes nos estádios desde 95 chegam quase à 200. A Inglaterra resolveu banir os Hooligans após a tragédia de Hillsborough, onde 96 pessoas perderam a vida, esmagadas contra as grades de proteção. Naquele dia 15 de Abril decidia-se uma das semi-finais da Copa da Inglaterra entre Liverpool e Nottingham Forrest. O estádio tinha uma capacidade total na época de pouco mais de 34mil torcedores, mas no dia mais de 50mil compareceram ao local na esperança de assistir a partida. Uma série de erros levou que uma parte dos que estavam sem ingressos se aproveitaram de um portão aberto para facilitar o acesso do que tinha bilhetes e... bom, o resto foram 96 mortos e quase 800 feridos.

A Inglaterra baniu os violentos do futebol após essa tragédia e hoje possui os estádio mais seguros do mundo inteiro, onde quem briga perde o direito de assistir ( in loco ou pela TV ) aos jogos de seu time. Duas horas antes de cada partida do time a pessoa se apresenta a uma Delegacia previamente designada e por lá fica - sem TV, rádio ou celular - durante o jogo, mas quando este acaba ele não sai, o que só acontecerá duas horas depois de finda a partida.

Bom, e aqui no Brasil? Bom, no sábado aproximadamente 200 bandidos ( sim, bandidos ) invadiram o Centro de Treinamentos Joaquim Grava e tocaram o terror: esganaram Paolo Guerrero ( autor do Gol do título mundial da equipe ), feriram uma cozinheira e deixaram o elenco do Corinthians preso dentro do vestiário por mais de 3 horas. Tudo muito feio e condenável, mas será que o Corinthians não tem uma parcela considerável de culpa? Sim, tem e eu explico: quando o Corinthians vai jogar em um estádio dos seus rivais ( Santos, Palmeiras e São Paulo ) recebe uma carga previamente estabelecida. No Morumbi, o maior dos estádios dos rivais, chegam a 5mil ingressos. Sabem como eles são vendidos? Não? Pois saiba que a Diretoria os repassa para a Gaviões da Fiel para que esta revenda-os. Se você for um torcedor "comum" não poderá ver o jogo, pois é claro que estes ingressos ficarão todos com filiados da "torcida".

Não apenas isso, Diretorias de Clubes costumam pagar viagens para estes bandos em jogos mais distantes. Eu disse de Clubes, não é só o Corinthians. E isso vai parar quando? Bom, talvez no dia em que morram 100 pessoas ( ou quem sabe até mais ) em um estádio ou que este bandos matem um jogador ( ou mais, vai saber ).

O que eu acho mais feio nisto tudo é que os 12 que foram presos em Oruro foram tratados como coitadinhos, vítimas... e eis que já se sabe que 3 deles estavam entre os 200 da invasão. Depois tem gente que não quer entender porque é que na primeira proposta do exterior os jogadores querem ir... E assim, caminha a mediocridade humana...